Desenvolvimento da criança e sugestões de brincadeiras ativas dos 15 aos 18 meses

15 AOS 18 M ESES

 

 

Como se movimenta a criança?

n  Inclina-se para apanhar brinquedos.

n  Sobe escadas com as duas mãos apoiadas, a gatinhar ou a arrastar o rabo.

n  Consegue andar com brinquedos na mão.

n  Trepa para cima de camas e cadeiras.

n  Corre com as pernas rígidas.

Atenção à segurança!

Os cuidados com a segurança das etapas anteriores se mantêm. Mas tenha em atenção que nesta etapa a criança vai estar verdadeiramente fascinada por subir e descer escadas e trepar nos móveis da casa e nos equipamentos dos parques. Acompanhe de muito perto estas “escaladas” pois é grande o risco de queda.

Consulte o texto “Brincar com segurança” e saiba mais sobre como garantir a segurança da sua criança enquanto brinca.

Sugestões de brincadeiras ativas

n  Brinquedos que estimulam o movimento na posição de pé, como carrinhos para puxar, carrinhos de bonecas ou de compras para a criança empurrar, podem ser bastante apreciados agora que a criança já domina a marcha.  

n  Leve a criança para passeios a pé, parques e praias. Uma simples ida a pé ao mercado pode ser muito divertida. Ajude-a a andar em rampas com alguma inclinação para treinar o equilíbrio e a trepar para os equipamentos. Levem brinquedos como bolas, baldes, pás e carrinhos.  

n  Cante canções e recite algumas rimas e lengalengas que estimulem movimentos simples que a criança poderá imitar. Dancem, toquem instrumentos, imitem animais e brinquem de às escondidas.

Existem aulas de natação e ginástica para crianças nesta fase. Estas aulas não são mais do que brincadeiras mais ou menos organizadas que servem para estimular o desenvolvimento da criança e o prazer por uma vida ativa. Além disso, são uma boa oportunidade de interação da criança com os pais e de convívio entre os adultos.

Desde que sinta que é um prazer para os dois e não um transtorno, pode inscrever a sua criança nestas atividades.

As informações que disponibilizamos aqui servem apenas como um guia. Cada criança é uma criança e o desenvolvimento da sua pode ser diferente do desenvolvimento de outra com a mesma idade. Não deixe de consultar as sugestões para todas as etapas.

Vídeo: