O que é e quais as consequências de uma “pega” incorreta?

São sinais de uma pega incorreta que podem ser observados nas Ilustrações 1 e 2:
 
Ilustração 1: Sinais externos de uma pega incorreta
Ilustração 2: Sinais internos de uma pega incorreta 
• Apenas o mamilo está dentro da boca do bebé ou a aréola é mais visível abaixo do lábio inferior do que acima do lábio superior do bebé;
• A boca do bebé não está bem aberta; 
• O lábio inferior do bebé está voltado para frente ou virado para dentro; 
• O queixo do bebé está longe da mama.   
 
A presença de qualquer um desses sinais pode indicar que a pega não está correta. Conforme pode ser observado na Ilustração 2, quando a pega não é boa, o bebé mama a partir do mamilo e não consegue pressionar os ductos para a saída do leite. O leite não sai com facilidade e o bebé não consegue mamar bem. Suga depressa, sem engolir, e as bochechas ficam voltadas para dentro. Dar de mamar será doloroso ou desconfortável. Quando o bebé para de mamar, o mamilo permanece esticado e parece amassado.    
   
Uma pega incorreta pode ter consequências como: 
• Mamilos magoados e muito doloridos; 
• Mamas cheias demais, vermelhas e doloridas. Pode haver um bloqueio dos ductos e até mesmo uma mastite, que é uma inflamação da mama; 
• Ganho de peso insuficiente do bebé; 
• Fome e irritação do bebé; 
• Mamadas muito longas (mais de meia hora) ou muito frequentes (com intervalos de menos de uma hora e meia).

Vídeo: