Outras informações e conselhos sobre o consumo de gorduras e óleos

Para que a sua criança consuma gorduras e óleos de forma saudável sem que seja necessário preocupar-se com quantidades exatas, tenha em conta os seguintes conselhos:

  • Modere a quantidade de gorduras e óleos utilizados para barrar, temperar e cozinhar;
  • Na sopa, acrescente o azeite antes de servir. Um fio de azeite no prato é o suficiente;
  • Prefira sempre os óleos vegetais como o azeite, o óleo de amendoim, de soja, de milho e de girassol;
  • Evite as gorduras animais (manteiga, natas..), o óleo de coco e o óleo de palma;
  • Evite massas folheadas, enchidos e refeições pré-confecionadas refrigeradas ou congeladas, habitualmente ricas em gordura; 
  • Prefira as preparações como grelhados e cozidos ou guisados, estufados e assados com pouca gordura e sem refogados;
  • Evite os fritos ou qualquer cozinhado que leve muita gordura;
  • Evite reutilizar e aquecer demasiado os óleos. Os óleos muito aquecidos sofrem alterações e produzem substâncias que podem causar cancro e outras doenças. São sinais de que o óleo está alterado: saída de fumos, odores e sabores desagradáveis, e a formação de espuma;
  • Escolha as alternativas mais saudáveis de óleos e gorduras para cada fim:

 

Em cru, para temperar – prefira o azeite ou outros óleos vegetais.

 

Para barrar – prefira os cremes vegetais. Compare os rótulos dos produtos e escolha um creme vegetal com menor quantidade de ácidos gordos saturados, sem ácidos gordos trans e com maior quantidade de ácidos gordos monoinsaturados ou polinsaturados.

Caso opte pela manteiga, utilize menos quantidade ou experimente uma manteiga magra.

Para cozinhar a temperaturas baixas (cozinhados com água desde o início) – prefira o azeite ou outro óleo vegetal.

Para cozinhar a temperaturas altas (frituras, assados e refogados) – prefira o azeite, o óleo de amendoim, ou a banha, que aguentam temperaturas mais altas sem se alterarem.

Sabia que…

Os lípidos são necessários para a produção de hormonas essenciais para o crescimento e o desenvolvimento saudável das crianças e para o bom funcionamento do organismo?