Qual deve ser a duração e a frequência das mamadas?

A quantidade de leite consumido e a frequência das mamadas varia muito de bebé para bebé, de mamada para mamada e também com o passar do tempo. Os bebés que são amamentados a pedido e de acordo com o seu apetite, ou seja, que mamam sempre que têm fome e que param de mamar quando estão satisfeitos, conseguem obter tudo aquilo que necessitam para um crescimento saudável. Por sua vez, a mãe consegue produzir o leite necessário para satisfazer as necessidades do bebé.

É muito importante não restringir a duração ou a frequência das mamadas. A mãe vai começar a aprender os sinais do bebé e descobrir que o bebé tem fome antes mesmo de começar a chorar, o que será muito recompensador.

O bebé deve mamar até sentir-se satisfeito. Nesta altura, soltará a mama. Depois de colocar o bebé para arrotar pode oferecer a mama novamente. A mesma, se ainda estiver com leite, ou a outra. O bebé aceitará apenas se quiser.

Se, entretanto, o bebé permanece por mais de meia hora a mamar ou se quer mamar com intervalos de menos de uma hora e meia, pode ser que não esteja a mamar bem e que a sua pega não esteja correta. Verifique com atenção e peça ajuda se achar necessário.    

Dica…

Para reconhecer o choro da fome, tenha atenção ao choro do seu bebé quando acorda depois de dormir um período mais longo. Além disso, é importante reconhecer outros sinais.

Nesta etapa, quando estão com fome, os bebés também costumam: ficar irrequietos; abrir a boca quando se aproximam do peito ou do biberão; olhar fixamente para a mãe; sorrir e olhar fixamente para a mãe enquanto mamam.

Vídeo: